Lixo ou luxo? Eis a questão

Chipboard, cristais e respingos de tinta usados na página de scrapbook feita por Ilana Polakiewicz para o Desafio # 69 Scrap entre Amigas
Desafio # 69 Scrap entre Amigas – mini ou maximalista?
16 de outubro de 2017
Detalhe de corações desenhados na página de scrapbook feita por Ilana Polakiewicz para desafio Scrap entre Amigas # 70
Desafio # 70 Scrap entre Amigas – Transportando reflexões para uma página de scrapbook
16 de novembro de 2017

Gosto de juntar papéis, restos de materiais usados em outros projetos. Eu poderia jogar tudo na lata do lixo, mas tenho pena. Posso achar um micro pedaço de papel rasgado ou um barbante tingido a coisa mais linda do mundo. Acho que o hábito de guardar esses restos também pode estar enraizado na minha paixão por reciclagem. Não sou de acumular coisas mas o meu fraco são os meus materiais de trabalho.

Além do que sobra dos trabalhos de scrapbook e colagem, muitas coisas podem ser consideradas restos ou lixo. Tickets de estacionamento, pedaços de papel variados que tem uma estampa bonita, partes de embalagens, formas de doces, desenhos e rabiscos feitos em pedaços de papel, páginas de revistas e jornais, tecidos rasgados, etc.

Meus “restos” ficam separados em uma bandeja de isopor e em envelopes, divididos por tamanho, tipo, textura e cor. E eu quase sempre remexo neles, ou seja, eles fazem parte da maioria dos meus trabalhos.

Ao começar a analizar os restos que tenho guardados tenho vontade de criar. É um bom gatilho para mim. Muitas vezes o fato de usar materiais menos valiosos nos deixa mais à vontade para ousar, rasgar e usar da forma que acharmos melhor. Ficamos mais soltos ao lidar com algo que normalmente iria para o lixo. Não é interessante?

Para ilustrar o que estou dizendo, fiz alguns tags usando praticamente apenas restos:
Barbante tingido, com o qual fiz pompons
Pedaço circular de uma forma de doce dourada
Pedaços de papel recortados
Desenhos feitos em pedaços de papel (esse tipo de desenho também foi usado para fazer cartões)
Tira de tecido rasgado
Trança feita com malha tingida, de uma camiseta que rasgou

Usei também outros materiais como os seguintes:
Gesso
Carimbos + carimbeira preta
Giz pastel oleoso
Canetas
Cola com glitter
Cristais
Adesivos

Eu acho que esses tags podem servir para serem dados junto com um presente, como marcadores de livros, para enviar uma mensagem especial, como objetos decorativos, etc. Se você gostou desse tipo de projeto, guarde e use os seus restos também.

Um abraço!

In English

I like to gather papers, leftovers of materials used in other projects. I could put everything in the trash can, but I am sorry. I can find a micro piece of torn paper or a dyed string the most beautiful thing in the world. I think the habit of storing these remains can also be rooted in my passion for recycling. I am not into accumulation but my weakness is my work materials.

Besides the scrapbook and collages projects remains, many things can be considered leftovers or trash. Parking tickets, pieces of various types of papers which have beautiful patterns, parts of packaging, paper baking cases, drawing and scribbles made on pieces of paper, pages of magazines and newspapers, torn fabrics, etc.

My “remains” are separated into a styrofoam tray and into envelopes divided by size, type, texture and color. I always rummage them, that is, they are part of most of my works.

As I begin to analyze the remains I have stored I feel like creating. It is a good trigger for me. Often the use of less valuable materials makes us comfortable to dare, tear and use the best way we find. We get looser when dealing with something that would normally go to the trash can. Isn’t it interesting?

To illustrate what I am talking about I decided to make some tags using practically only remains:
Dyed string, with which I made pompoms
Circular piece of a golden candy package
Pieces of paper cut out
Drawings made on pieces of paper (this type of drawing were also used to make cards)
Torn strip of fabric
Braid made with dyed fabric of a t-shirt that tore

I also used other materials as the following:
Gesso
Stamps and black ink pad
Oil pastels
pens
Glitter glue
Crystals
Stickers

I think these tags can serve to be given along with a gift, as bookmarks, to send a special message, such as a decorative objects, etc. If you feel inspired by these tags, keep and use the remains of your projects.

See you!

Deixe seu comentário